dentes manchados após clareamento

Descubra as causas dos dentes manchados após clareamento

Ao longo dos últimos anos, o clareamento dental se tornou um procedimento bastante popular nos consultórios odontológicos. Isso aconteceu porque conquistar um sorriso branco é o desejo de muitas pessoas que se importam com a estética bucal e, além disso, realizar esse sonho ficou mais barato. No entanto, é muito importante ter cuidado, pois, em alguns casos, pacientes relatam dentes manchados após clareamento.

O clareamento dental costuma apresentar uma alta taxa de sucesso nos consultórios odontológicos em geral, pois possibilita um resultado bastante satisfatório para os pacientes. Por outro lado, nem todas as pessoas podem realizar esse procedimento: lactantes, grávidas, pacientes com irritação na gengiva, sensibilidade nos dentes e restaurações severas são alguns dos grupos de risco.

Mitos e verdades sobre o clareamento dental

Antes de procurar um profissional para realizar o procedimento, é normal que as pessoas procurem na internet alguns relatos e artigos a respeito do tratamento. Por isso, surgem logo coleções de mitos e verdades sobre esse procedimento. Para tirar as principais dúvidas de quem está interessado no clareamento dental, aqui estão algumas importantes informações:

  1. Verdade: se for feito sem supervisão de um profissional qualificado, o paciente pode apresentar dentes manchados após clareamento;
  2. Mito: os dentes ficam mais sensíveis depois que o procedimento é realizado;
  3. Verdade: alimentos muito pigmentados não devem ser consumidos em excesso durante ou depois do procedimento, pois corre o risco de deixar os dentes manchados após clareamento;
  4. Mito: o clareamento dental com bicarbonato de sódio é uma opção recomendada;
  5. Verdade: o efeito do clareamento nos dentes pode durar muitos anos se o paciente seguir os cuidados indicados pelo profissional;
  6. Mito: o procedimento pode deixar os dentes enfraquecidos;
  7. Verdade: pessoas com gengivite não podem fazer o clareamento dental;
  8. Mito: os dentes ficarão completamente brancos quando o procedimento é finalizado.

Tipos de clareamento dental

Existem diferentes opções para quem deseja clarear os dentes. O clareamento à laser, por exemplo, é feito no consultório odontológico com luz pulsada, em que o resultado esperado pelo paciente pode ocorrer em apenas três sessões ou até menos.

Assim como o clareamento à laser, o clareamento caseiro precisa de um dentista para realizar o acompanhamento do paciente. A diferença é que ele utilizará uma moldeira feita pelo profissional com uma substância clareadora. Nesse caso, o gel clareador vai depender da cor dos dentes do paciente. Depois de fabricar a moldeira, ela deve ser utilizada em casa sob as recomendações de tempo e frequência do dentista, pois, caso o paciente não siga adequadamente as indicações do profissional, ele pode ter dentes manchados após clareamento. No geral, o tempo de uso é de, aproximadamente, 15 dias.

Além disso, existe também o clareamento de farmácia, no qual o paciente encontra kits de clareamento em farmácia. Os kits desse procedimento são autoaplicáveis, contendo geralmente gel clareador, moldeira pré-fabricada ou tiras branqueadoras. O paciente pode conseguir o resultado esperado com esse clareamento, mas é sempre recomendável que a pessoa não faça o procedimento sem antes consultar um dentista.

Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende dentes manchados após clareamento:


0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br