mau hálito forte

Tipos e causas do mau hálito forte

A grande maioria dos casos que envolvem quadros de mau hálito forte, estão ligados a má higienização bucal, ao não uso do fio dental e a presença de cáries na boca, porém por se tratar de uma alteração no hálito, esse mau também pode estar relacionado a outras patologias, como problemas respiratórios, sinusite, dor de garganta, alterações hormonais e digestivas, diabetes, estresse e secura da boca. Além de ser decorrência de diversos fatores, o mau hálito forte também se divide em alguns tipos, sendo:

  • Mau hálito forte matinal: é um dos tipos mais normais de mau hálito, acontece pela secura da boca e por uma alteração de condições fisiológicas que o corpo sofre durante a noite, podendo ser facilmente combatido após a escovação dos dentes;
  • Mau hálito forte fisiológico: é relacionada a diminuição do fluxo de saliva que gera o mau hálito;
  • Mau hálito forte por psicossomática: também chamado de mau hálito psicológico, ocorre quando os pacientes possuem alguma alteração no próprio olfato e, por isso, acreditam que possuem o mau hálito, porém as outras pessoas não o sentem;
  • Mau hálito forte provocado/induzido: esse tipo de mau hálito pode ser ocasionado por alguns remédios como diuréticos, anfetaminas e tranquilizantes ou pela ingestão de alimentos como cebolas e alhos.

Mas afinal o que é o mau hálito forte?

Também chamada de halitose ou bafo, o mau hálito forte é uma alteração no hálito, que pode ser provocada por causas naturais, biológicas ou por fatores externos. O resultado dessa alteração é um cheiro ruim e desengradável que pode, entre outras coisas, colocar o paciente em uma situação de constrangimento social. É importante que as pessoas se atentem a presença do mau hálito em sua boca, pois ela pode indicar alguma disfunção de origem orgânica ou fisiológica no nosso corpo.

Dessa forma, é necessário que seja identificado, no momento da consulta as causas que estão provocando o mau hálito forte. Só depois que esse fator for descoberto, é que essa alteração poderá ser, efetivamente, tratada. Além do mais o mau hálito remédio pode estar ligada a questões temporárias e passageiras, como a ingestão de alho, cebola, bebidas alcoólicas e até mesmo pelos momentos de jejuns prolongados. Sendo, portanto, necessário repensar seus hábitos alimentares.

Mau hálito forte como curar?

Por ser um problema que acomete boa parte da população mundial, não é incomum que muitas pessoas procurem na internet remédios caseiros para o mau hálito forte. Porém, mesmo quando se trata de algo tão "comum" como o mau hálito, não é indicado que o paciente faça nenhuma automedicação sem a orientação de um médico especialista. Como dito anteriormente, o mau hálito é um sinal claro de algo no seu corpo e/ou na sua boca não anda bem e requer atenção e cuidado.

Por isso, não deixe de procurar ajuda de um dentista especializado que poderá te auxiliar durante o tratamento, ele vai identificar a causa do seu problema e, só então, receitar o tratamento ideal. Lembre-se que a halitose pode causar interferir, inclusive, em relações sociais, causando situações desconfortáveis durante um relacionamento interpessoal, seja ele familiar, amoroso ou corporativo.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende mau hálito forte:


0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br